Acontece

LEADER SITE

Serviços do Isama param em plena campanha de vacinação e funcionários da Cursan começam a receber os avisos

Acontece anunciou a greve do Isama na edição da última sexta quando trouxe também a manchete Cursan vai fechar.

Em época de Campanha de Vacinação e com a aproximação do dia D venceu mais um contrato de prestação de serviços da Prefeitura de Cubatão; do Isama. Existe a tendência de que o contrato não seja renovado.

Serviços como recolhimento de sorologia, DST/AIDS, prevenção da dengue no Município e entrega de medicamentos nas unidades de saúde para tuberculosos, estão parados.

Na CursanOs funcionários dos setores de obras, merenda e limpeza, já começaram a receber os avisos prévios. Os pagamentos das indenizações certamente devem ser pagos parceladamente, o que demandará negociações e o aval do Ministério do Trabalho.


Sindicatos definem futuro da greve nesta sexta

Governo propõe 3% no dissídio e apresenta itens para minimizar Reforma, mas condiciona discussões sobre férias e horas ao fim da greve. Setores se articulam, na tentativa de emplacar uma nova greve geral.

Os sindicatos que representam o funcionalismo de Cubatão definem até o fim desta sexta, (05) se continuam ou param a greve, que segue dentro dos 20% do funcionalismo.

O Sispuc condicionou a apresentação da proposta do prefeito, com 3% de dissidio, à revogação de itens da Reforma. Eles querem que o prefeito formalize questões como férias e horas extras retroagindo a publicação para não prejudicar ninguém, inclusive que já recebeu férias a 50%, em março, receberia a diferença.

Setores do movimento sindical articulam para encerrar a atual greve (quem mantém 80% dos trabalhadores nos serviços essenciais) e propor uma nova greve geral, em virtude de uma possível recusa à proposta da administração, de 3% no dissídio.

propostas1porpostas2

Mães levam alunos à porta do Fórum

Considerando que as manifestações à frente da Prefeitura foram infrutíferas, mães de alunos das escolas municipais de Cubatão, foram à porta do Fórum Municipal da cidade para chamar atenção das autoridades.

Com palavras de ordem, cobravam das autoridades que tomem medidas junto a atual administração do município, em respeito ao Estatuto da Criança e do adolescente – ECA. No final da tarde uma comissão de mães foi recebida dentro do Fórum.

Ler Jornal

Facebook

Publicidade

Serviços


Praias Estradas