Acontece

LEADER SITE

49° aniversário do Ciesp Cubatão 

 

A um ano de seu cinquentenário, o Ciesp Cubatão completou no último mês, mais um clico de atividades e representatividade a favor das indústrias.

 

A regional foi inaugurada em 1971, época em que Cubatão já contava com 23 indústrias de base instaladas no Polo. Desde então, diversas ações e projetos foram capitaneados pela entidade, com destaque para o plano de recuperação ambiental do município, reconhecido pela ONU, e a elaboração do planejamento da Agenda 21 – A Cidade que Queremos. Com sua sede fundada em 1928, na Capital, o Ciesp conta atualmente com 42 regionais no Estado.

 

O Ciesp Cubatão conta com apoio de 44 indústrias associadas dos municípios de Cubatão, Guarujá e Bertioga, dentro de segmentos de base significativos para o setor produtivo: Siderúrgico, Químico, Petroquímico, Fertilizantes, Logístico e de Serviço. Tem como importante papel representar a indústria local em âmbitos institucionais e públicos, nas esferas estadual e nacional.

 

Frente a uma economia em ascensão, a instituição promove a sinergia das indústrias, que atuam em iniciativas e soluções para resultados diferenciados de produção e, consequentemente, no fomento da empregabilidade e comércio locais.

 

Além de contribuir para a retomada do setor industrial, a entidade atua integrada ao poder público, sociedade e demais órgãos para o crescimento do município. Em parceria com as instituições de ensino Senai e Sesi, auxilia no desenvolvimento social por meio da educação e qualificação de jovens das comunidades de Cubatão para o mercado de trabalho, principalmente vocacionados aos segmentos industriais de Cubatão, Guarujá e Bertioga.

 

Este ano, a Diretoria Regional do Ciesp Cubatão terá uma nova composição, formada pelo atual diretor-titular Raul Elias Pinto (Transportadora Meca), pelo 1° vice-diretor Americo Ferreira Neto (Usiminas) e pelo 2° vice-diretor Airton Andrade (Unipar), que assume a ocupação no lugar do ex-diretor José Roberto Heleno de Marquis (Unigel), que permanece como conselheiro. Já a Gerência Regional continua a ser representada por Valmir Ramos Ruiz.

Otimismo

O posicionamento do Ciesp é otimista com a orientação do governo atual, por se tratar de um início de ano de expansão da atividade industrial e aumento da empregabilidade no País, segundo dados apurados pela Fiesp.

 

Em um encontro realizado com o presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, na última segunda-feira (3), o presidente da Fiesp e do Ciesp, Paulo Skaf, reforçou que a agenda do governo coincide com a defendida pelos setores produtivos.

 

 

Skaf reforçou que é a favor da recente Reforma da Previdência e das demais reformas estruturantes a serem adotadas pelo governo e enfatizou que o Brasil está no rumo certo. “Estamos entrando em 2020 com otimismo, esperando 2,5 a 3% de crescimento”, cita.

 

Para o diretor-titular do Ciesp Cubatão, Raul Elias Pinto, este é um momento ideal para o incentivo à produtividade e ação efetiva dos municípios.

 

 

“Trabalharemos com foco em atração de novos empreendimentos para a região, principalmente os de indústrias de transformação, bem como manteremos a busca constante por melhoria nos processo das empresas do Polo, por meio das premissas da Indústria 4.0, com o principal objetivo de otimizar a produção e contribuir para o desenvolvimento socioeconômico local”.

Ler Jornal

Facebook

Publicidade

Serviços


Praias Estradas