Prefeitura de Guarujá entrega a quinta Usafa reformada neste sábado (1º)

 

Cerimônia terá início às 10 horas e reunirá serviços de cidadania gratuitos à população

 

A Prefeitura de Guarujá entrega neste sábado, às 10 horas, (1º) a Unidade de Saúde da Família (Usafa) da Vila Rã (Rua Maria Geralda Valadão, 1.114, no Parque Enseada) totalmente reformada. A realização é da Secretaria de Saúde, em parceria com a Organização Social Pró-Vida, que gerencia as Usafas da rede municipal.

 

UVRA

 

A cerimônia reunirá serviços de saúde e cidadania como: aferição de pressão arterial, testes de glicemia, avaliação odontológica, testagem rápida para HIV, orientações de combate à dengue, orientação sobre arboviroses, teatro de fantoches com o Núcleo de Educação da Dengue, além de orientações sobre o cadastro único, atualização dos cadastros de pacientes da Unidade e atividades culturais. 

 

Esta será a quinta unidade revitalizada pela Prefeitura, de um total de 15 Usafas que compõem a rede municipal. Já foram reformadas as unidades do Jardim Brasil, Vila Edna, Cidade Atlântica e Sítio Conceiçãozinha. Dentre os serviços executados na Usafa da Vila Rã estão a climatização de todo o equipamento, além da pintura, revisões elétrica e hidráulica, troca do telhado e a instalação de toldo. Com a revitalização do equipamento, foi possível criar mais um consultório médico.

 

Composta por duas equipes completas, a unidade conta hoje com um médico, um enfermeiro, dois técnicos de enfermagem, um dentista e 16 agentes comunitários de saúde. Por mês, o equipamento realiza, aproximadamente, 940 atendimentos, que incluem consultas, curativos, vacinas, inalação, medicações, e demais procedimentos.

 

No local, os pacientes têm à disposição diversos programas voltados promoção de saúde, como de aleitamento materno, para diabéticos e hipertensos, aulas de alongamento, incentivo ao pré-natal, entre outros.

 

Segundo o secretário de Saúde de Guarujá, Vitor Hugo Straub Canasiro, a Usafa é o contato preferencial dos usuários, a principal porta de entrada e centro de comunicação com toda a Rede de Atenção à Saúde.

 

“É instalada perto de onde as pessoas moram, trabalham, estudam e vivem e, com isso, desempenha um papel central na garantia de acesso à população a uma atenção à saúde de qualidade. E é esse o nosso objetivo com a reforma, acolher e tratar este paciente da melhor maneira possível, com uma unidade mais segura, confortável e com o atendimento que o paciente veio receber”.