Vítimas relatam falhas mecânicas desde o inicio da excursão

A maioria dos envolvidos no acidente, inclusive o motorista, eram de Cubatão. A Prefeitura decretou luto oficial de três dias, em razão da tragédia.

O acidente aconteceu por volta das 21h30 de domingo (09), próximo ao km 31,6 da rodovia Floriano Rodrigues Pinheiro (SP-123), no trecho de serra em Campos do Jordão (SP) sentido a São Paulo. O ônibus colidiu com cinco carros e uma moto antes de capotar.

As vítimas estavam em uma excursão de um dia à Campos de Jordão, em informações divulgadas até o momento citam 10 mortos, sendo oito adultos e duas crianças, e outros 51 feridos.  As vítimas mais graves foram levadas ao Hospital Regional de Taubaté e para a Santa Casa de Pindamonhangaba. Outras pessoas também foram atendidas no Pronto-Socorro de Campos do Jordão.

De acordo com relato de uma das vítimas o ônibus, que voltava de uma excursão à Campos do Jordão, apresentava problemas no freio desde o início da viagem ao deixar a Baixada Santista. No entanto a Prefeitura de Praia Grande, onde a empresa de Brasil Santana de linha de ônibus turístico atua desde 2012, divulgou que a empresa estava em situação regular. A Prefeitura também acrescenta que o alvará de 2019 concedido à empresa inclui a regulamentação dos ônibus, já que antes do documento ser emitido para empresa, a administração pública realiza a vistoria dos coletivos.

Além do decreto de luto oficial, a Prefeitura de Cubatão criou um gabinete de emergência, formado pela Secretaria de Saúde e Secretaria de Assistência Social, para auxiliar os familiares das vítimas. O prefeito Ademário Oliveira já está a caminho das cidades em que os feridos estão sendo atendidos, acompanhado por funcionários de diversas Secretarias da Prefeitura. Além disso quem necessitar de informação pode ligar para os telefones: 3361-8936; 3361-8757; 3372-1162 e 98812-3680. A Secretaria, que fica na Praça Nivaldo Vicente dos Santos, 41 - próximo à Praça Portugal, também está atendendo presencialmente as pessoas sobre esse assunto

A Polícia Militar divulgou o nome dos 10 mortos:

1°Yago Mange, de 25 anos

2°Camilla Rodrigues da Silva, de 23 anos

3°Jackeline Rodrigues Fernandes, de 26 anos

4°Jaziel Dourado, de 33 anos

5°Manoella Maciel Dourado, de 4 anos

6°Luiza Aparecida Alencar dos Santos, de 32 anos

7°Julia dos Santos, de 3 anos

8°Doriedson Ferreira da Silva

9°Maria Ivonete Marcolino Ferreira da Silva

10°Ivan Francisco da Silva